Páginas

terça-feira, 22 de julho de 2014

2º Encontro do Teresópolis Beer Club


O 2º Encontro do Teresópolis Beer Club aconteceu na noite de 21 de dezembro de 2013. A data próxima aos feriados de final de ano fez com que o número de membros fosse reduzido, todavia os que compareceram estavam animados: Nathália, Solana, Vitor e Leandro (respectivamente na foto abaixo). O evento foi novamente na casa do Vitor. Neste segundo evento, buscamos algo um pouco diferente do habitual.
Devido à satisfação na primeira vez, mantive o esquema de assinaturas com o "Prova Essa"1.. Novamente, correu tudo bem, as cervejas chegaram na data combinada e bem embaladas. Na caixa, ainda vinham extras como folhetos informativos e bolachas porta copo.


A primeira cerveja escolhida foi a americana Southern Tier 422, da cervejaria Southern Brewing2, uma Pale Wheat Ale com teor alcoólico de 5,8% e envasada em garrafa de 330ml.  Em sua fórmula, composta por trigo, cevada e lúpulo, buscou-se o delicado equilíbrio da natureza. Seu nome foi dado após o Dia da Terra (22 de abril), o 422 foi uma homenagem à preservação do meio ambiente e dos recursos3.
A cerveja apresenta um rótulo verde e marrom com várias informações sobre a cerveja. No copo, um amarelo dourado, espuma branca de média formação. Aroma cítrico e um tanto ácido. O sabor amargo se destaca, no fundo alguns tons ácidos de laranja e limão, o sabor do trigo é bem leve. A sensação é refrescante, porém o conjunto não agradou muito os degustadores.
A 422 foi a terceira cerveja degustada pelo grupo em sua jornada e obteve as piores notas na avaliação dos participantes. O primeiro contato com a escola americana foi decepcionante.


Avaliação Média - Southern Tier 422
Geral: 2,9
Aroma: 6/10
Aparência: 3/5
Sabor: 12/20
Sensação: 2/5
Conjunto: 6/10

Coloração clara, meio amarelada. Média formação de espuma, corpo leve. Aroma com notas cítricas bem suaves. Sabor levemente amargo, bem refrescante. Boa cerveja pra um dia quente de verão. (Leandro Rocha)

Boa, mas sem atrativos (Nathália Cardoso)

Cerveja simples, uma Itaipava americana. (Solana Guerra)


A segunda cerveja escolhida foi a nacional Double Vienna, da cervejaria Morada Cia Etílica4, uma Vienna Lager com teor alcoólico de 7,6% e envasamento em garrafa de 355ml. A sua fórmula é dobrada e possui muitos lúpulos americanos. Chama a atenção seu incrível rótulo com um ambigrama, ou seja, pode-se vira-lo  de cabeça para baixo sem que se perca sua representação visual e fonética5.
Como era de se esperar, logo de cara todos ficaram impressionados com o rótulo da Double Vienna, o que fez com que a curiosidade sobre ela aumentasse bastante. No copo, uma cor acobreada, meio avermelhada, muito interessante e espuma de boa formação com um tom bege. Aroma parecido com o de caramelo e malte tostado. Um leve amargor se mistura com o doce de malte tostado e caramelo. Bom equilíbrio.
As altas expectativas foram bem correspondidas e a Double Vienna, a quarta cerveja degustada em nossa jornada, obteve as melhores notas e "roubou" o posto de "melhor cerveja" do nosso ranking.


Avaliação Média - Double Vienna
Geral: 4,3
Aroma: 9/10
Aparência: 5/5
Sabor: 17/20
Sensação: 4/5
Conjunto: 8/10

Bela aparência, com um rótulo bem bacana. Possui uma coloração dourada bem escura. Boa formação de espuma, densa e persistente. Aroma com notas de lúpulo, malte tostado e caramelo. O sabor acompanha o aroma, com predominância do malte. Amargor marcante. Uma excelente surpresa essa Vienna Lager curitibana. (Leandro Rocha)

Uma delícia. Bem encorpada e com um sabor amargo que dá um toque muito especial. (Solana Guerra)

A cor, o aroma e o sabor fazem um ótimo conjunto. Ótima cerveja brasileira que vale a pena ser apreciada. (Nathália Cardoso)



Vida Longa, Próspera e Ébria!

Fontes:

Nenhum comentário:

Postar um comentário